Pra não dizer que nao falamos do rei


Parece meio tarde e ninguém aqui havia falado da morte do Michael Jackson, mas em meio a avalanche de notícias e a repercussão que tudo q leva seu nome vem tendo, me senti na obrigação de citar-lhe, mesmo que fosse uma nota curta.
Citar um cara que é um ícone da minha geração.

michael_jackson01

Nascido em 29 de agosto de 1958, cantor, compositor, ator, dançarino, coreógrafo, escritor, publicitário, produtor, poeta, estilista, instrumentista e empresário norte americano, que como todos sabem  faleceu repentinamente no último dia 25.

Mais do que mais um artista polêmico, o mundo perdeu um mito. Sem exageros. Sem saudosismo. Ele foi revolucionário, um gênio, foi único!
Olhe à sua volta. Consegue ver alguém fazendo algo que ninguém nunca tenha feito antes(algo bom)? Alguém que cante e dance de forma única, e que depois de décadas ainda esteja sendo imitado e influenciando tanta gente? Alguém que lance um estilo novo e que seja imitado por todas as pessoas, independente da idade, sexo, cor, religião, classe social, etc? Um artista completo que consega misturar rock, pop, soul, funk, disco, jazz, R&B, blues e hip hop e ainda assim soar natural?

Você pode até não gostar de música pop, ou do Michael como pessoa (como quase todo mundo se atém a digerir as opiniões que são transmitidas na mídia quase sempre sem embasamento, e que não se interessam a se aprofundar), mas é inegável que Michael Joseph Jackson alcançou a imortalidade, e será lembrado para sempre. Não só pelos escandalos dos jornais, ou pela vitiligo, pelas cirurgias plásticas, pelos albuns que venderam mais de 750  milhoes de cópias em todo o mundo, pelo clipe de Thriller que revolucionou a indústria fonográfica e a maneira de se fazer vídeo-clipes e que faturou mais de 100 prêmios, ou pelos 13 Grammys e inúmeros outros prêmios, ou “We Are the World” (escrita por ele), ou os U$ 300 milhões destinados à caridade, mas ficará ainda mais marcado, na mente das pessoas que tinham um mínimo de senso moral para enxergar um ser humano que erra e se equivoca, como um pacifista nato. Como um cara que esteve sempre envolvido em causas sociais e que se importava com as pessoas. Estas mesmas que o julgaram, que o tratavam como diferente, como bizarro, e que fizeram com que a ja frágil cabeça daquele homem não aguentasse.

Ele era uma criança no corpo de um adulto.
Mas os adultos são cruéis com seus semelhantes. E muito.
Ele deixa um mundo doente. Um mundo que necessita de ajuda, e que precisa cada vez mais de pessoas com seu perfil, mas que não quer e não merece ser ajudado.
Um mundo que mata seus ídolos, e que vangloria como ‘filho de Deus’ alguém que tenha sido apenas “melhor” do que a mediocridade vigente.
E é triste imaginar que as coisas podiam ser diferentes, e que este homem merecia muito mais reconhecimento. Michael Jackson se vai, com ele as intrigas, escandalos e a imagem desgastada. Mas o que não se irá nunca serão suas mensagens de positivismo e a influencia e inspirações diretas na música contemporânea que beberão dessa funte por longas gerações ainda.

michael_jackson2
“Heal the world
Make it a better place
For you and for me
And the entire human race
There are people dying
If you care enough for the living
Make it a better place
For you and for me”

Ouvindo  Michael Jackson – heal the world

Anúncios
    • Lucas
    • 1 de julho de 2009

    Parabéns pelo post, me senti na obrigação de comentar pois eu não acompanhei a carreira dele e cresci vendo a parte ruim de sua vida, e só agora que fui ler sobre o que ele fez em vida. Sempre tive a imagem dele como mais um artista desequilibrado e com muitos (e graves) problemas pessoais. Como já disse, nunca entendi o porquê dele ser o tal Rei do Pop, pois cresci vendo apenas os ‘podres’ dele. Mas agora, independente do que ele tenha feito de ruim, consigo ver um ser humano e um cara que influenciou toda uma geração e mudou a música no mundo. O cara realmente era uma lenda, e uma pena que ele tenha ido no pior momento de sua carreira, sem ter a oportunidade de dar a volta por cima.

    • Valeu man! Mas é bem isso mesmo, a mídia cuida de entregar a informação embalada pronta pro consumo… Uma pena ele ter ido antes da turnê, e eu vou morrer sem vê-lo =T

    • Yuu…
    • 1 de julho de 2009

    ae,,eu achei q nao iam comenta nada dele aki,,mas o dan represento!
    michael vai ser eterno..

  1. incrivel que só se vê o lado positivo da vida depois de morto.

    e ow, tem várias coisas rolando nos jornais sensacionalistas da inglaterra, bem foda |:

  2. Daniel, mandou bem! O cara era (ou melhor, é) sensacional. A musicalidade do MJ influenciou, influencia e vai influenciar muita gente. Sem discutir supostos defeitos sobre a pessoa, como musico era inigualável. Enfim, puta perda.

    • Dayane Cabral
    • 4 de julho de 2009

    Foi realmente uma pena ele ir embora antes da sua grande turnê pela Inglaterra. O mundo inteiro ansiava por ver Michael novamente nos palcos depois de tanto tempo de sua ausência neles.
    O cara foi realmente bom, um artista completo, além de fazer música, marcou a história _ as rádios brancas foram obrigadas a tocar Michael Jackson devido ao tamanho sucesso, ele deu um grande passo para a cultura afroamericana e para sua música.
    Vejo muito claramente nos artistas de hoje a influência do REI DO POP: Michael Jackson

    Lamento, acho triste é que a morte dele está virando mais um espetáculo , um grande show, com uma platéia enorme – o mundo.

    Em vida Michael deve ter sido sozinho no meio da multidão.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: